Contato

A Livraria Antonio Gramsci fica na Rua Alcindo Guanabara, 17, térreo, Cinelândia (rua do Amarelinho), Rio de Janeiro. Atendemos também pelo e-mail livraria@piratininga.org.br ou pelo telefone (21) 2220 4623.

CNPJ: 07.119.131/0002-12

Jornalistas, professores, estudantes e militantes de diversas áreas já têm um ponto de encontro no centro do Rio. É a Livraria Antonio Gramsci, inaugurada pelo Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC). O objetivo é divulgar trabalhos, pesquisas e conjuntos de artigos de referência nacional e internacional que tratem do mundo da comunicação e da história dos trabalhadores, os dois eixos centrais do NPC. Educação, sociologia, cultura, novas tecnologias, lutas e movimentos sociais, sindicalismo, mulheres e direitos humanos são alguns dos outros temas também privilegiados na Antonio Gramsci, onde podem ser encontradas obras clássicas do pensamento marxista e da esquerda mundial.

livraria antonio gramsci npc

Além dos livros publicados pelo NPC, alguns materiais produzidos pela entidade estão à venda nesse espaço, como a Agenda NPC 2011, referência para quem quiser conhecer o histórico de lutas e mobilizações de mulheres no Brasil e no mundo. Também podem ser adquiridas obras escritas e organizadas por figuras marcantes dos cursos anuais que o Núcleo Piratininga vem realizando nos últimos anos. Dentre eles estão, por exemplo, Piratas do Caribe (Record), do filósofo paquistanês Tariq Ali; Liberdade de expressão X Liberdade de Imprensa (Publisher), do cientista político Venício Lima; A TV sob controle, de Laurindo Leal Filho; A Batalha da Mídia (Pão e Rosas) e Por Uma Outra Comunicação (Record), ambos do professor Dênis de Moraes. Além destes, temos ainda produções de Leandro Konder, Raquel Paiva, Marialva Barbosa, Ademar Bogo, Domenico Losurdo, Edward Said, Michel Lowy, e outros escritores brasileiros e estrangeiros de destaque no campo das ciências humanas.

Facebook da Livraria Antonio Gramsci

Há ainda um sebo que reúne clássicos da literatura mundial. Dos brasileiros, nomes como Clarice Lispector, Machado de Assis, Marcelo Rubens Paiva, José de Alencar e Lygia Fagundes Telles estão estampados nas prateleiras.

Boletins da Livraria